quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Vozão ♥

Era dessa maneira que eu o chamava, Vozão, o que já diz muito sobre ele, pq ele era realmente um vozão!
A morte de alguém querido é dita como injusta, ingrata, e infeliz, e causa muito sofrimento ás pessoas ao redor.
Na hora que se descobre que esse ente querido faleceu é como um impacto, você fica sem reação por alguns segundos, Tem pessoas que entram em desespero e choram, ficam se recordando de todos os momentos, e o pior momento à hora do enterro, a ultima vez que vera essa pessoa.
Existe uma coisa que acontece que você fica sem entender, mesmo você vendo aquela pessoa ali, dentro de um cachão, não parece que é real, parece que é apenas um sonho ruim, ai você relembra todos os momentos novamente e tenta imaginar como serão algumas ocasiões sem essa pessoa, e vc não consegue, porque parece que essa pessoa ainda está ali e mais presente do que nunca. Acho que essa situação só acontece por algum tempo até você se tocar que essa pessoa não vai voltar.
Dia 3/12/2010 eu perdi meu avô e ainda não caiu a fixa que ele não vai voltar. Pra mim ainda parece que ele vai entrar pela aquela porta e vai gritar bem alto assuntando e provocando sorrisos no rosto de minhas amigas, 'Bom dia família'.
Ainda parece que eu vou chegar na casa dele e vou dizer - fala ai vozão - e ele vai dar aquele sorriso bem feliz por eu estar ali.
Ma ta demorando a cair a fixa que ele não vai mais esta lá na hora da esta pra me pedir pra pegar salgadinho.
Ta demorando a cair a fixa que eu vou chegar na casa dos meus avós e só vou encontrar um lá. E que ele não vai mais pedir pra eu pegar o chinelo dele quando ele chegasse da rua.
Que ele não vai mais me pedir pra comprar um açaí bem caprichado como ele tanto gostava.
Ta demorando a cair a fixa que não vai ter mais ninguém pra reclamar da comida maravilhosa da minha avó.
Que não vai ter mais aquela pessoa que sentava sempre no mesmo lugar no sofá.
Que não vai ter mais o vozão pra me chamar de rippe.
Que não vai ter mais aquela pessoa que sempre pedia pra eu ficar mais um pouco quando falava que ia embora.
Que não vai ter mais aquela pessoa que sempre contava longas histórias sobre o seu passado incrível.
Que não vai ter mais aquela pessoa que amava a chuva e me ensinou a amar também.
Que não vai ter mais aquela pessoa maravilhosa, sem falsidade, que amava de verdade todos os seus familiares.
Que não vai ter mais aquela pessoa pra viciar as crianças em dinheiro.
Que não vai ter aquela pessoa que sempre estava sorrindo e contando piadas no natal.
Ta demorando a cair a fixa que não vai ter mais o meu vozão, que não vai ter mais o melhor avô do mundo ali do meu lado, me ajudando sempre quando eu precisava. Aquele avô que era o meu pai e o pai que eu nunca tive e o pai que eu tanto amei. O pai, o avô que eu pedi a Deus que me levasse antes dele. O avô que sempre vai ocupar um espaço maravilhoso dentro do meu coração. O avô que eu tanto amei e sempre vou amar!
Amo-te! Antonio Souza de Oliveira o Vozão ♥

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. amiga, achei lindo isse post. Juro por Deus, que quando presenciei, eu senti por você sim, mas parece que quando se escreve e se consegue dizer verdadeiramente como se sente, sentimos também bem mais, entendemos bem mais o que não se pode entender, nos comovemos e refletimos muito mais! :(
    Que Deus esteja smp cntg. assim como eu tb estarei, teamo! ♥

    ResponderExcluir